Objetivo desse blog



O objetivo desse blog é compartilhar com vocês aquilo que tenho ganhado na comunhão com os santos e ao ler a palavra do Senhor!


"Achadas as tuas palavras, logo as comi; as tuas palavras me foram gozo e alegria para o coração, pois pelo teu nome sou chamado, ó SENHOR, Deus dos Exércitos." Jeremias 15.16


domingo, 13 de janeiro de 2013

A esperança do nosso chamamento.


Irmão Miguel Má

Mateus 4: 17-18.

17- Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei- vos, porque é chegado o reino dos céus.   
18 E Jesus, andando ao longo do mar da Galiléia, viu dois irmãos – Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, os quais lançavam a rede ao mar, porque eram pescadores.   
19 Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.   
20 Eles, pois, deixando imediatamente as redes, o seguiram.   

Deus conhece a nossa situação e por essa causa que Ele vem nos chamar. Às vezes não sabemos disso. Em Mateus 4 há o chamamento de Pedro e André que eram pescadores. Eles viviam o curso natural de suas vidas e Deus cruzou o caminho deles. O Senhor lhes disse:
“Vinde após mim e eu vos farei pescadores de homens!”
 Antes pescávamos peixes, pois éramos pescadores. Mas um dia Deus cruza as nossa vida e faz de nós pescadores de homens. Talvez você não se ache um pescador de homens, mas a palavra de Deus diz que se você o seguir, será tal pescador. No v. 20 diz que eles deixaram imediatamente as redes e seguiram. Esse é o resultado de quem escuta um chamado: deixar as redes imediatamente. O Senhor cruzou seu caminho. Você ouviu o chamado ou está num conflito? Vai deixar as redes?
Mateus 9:9. O Senhor chamou Mateus.

9 Partindo Jesus dali, viu sentado na coletoria um homem chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu.   

 Em Lucas 5: 27 diz que, passadas essas coisas o Senhor viu Levi, um publicano e disse:

"Segue- me!".

E ele, deixando tudo, O seguiu.  
A vida de Mateus era recolher os impostos e o que ele esperava da vida? Colher tais impostos, assim como Pedro e André esperavam mais peixes. Mas eles se levantaram, deixaram tudo e seguiram o Senhor. Há um chamamento que sai do coração de Deus. Por que Ele chama? Porque tem algo preparado para você! Ele tem para a sua vida um propósito mais elevado. Se Pedro não tivesse ouvido, o que diria no fim da sua vida?

“Eu peguei muito peixe...”.

Mas como ele seguiu, pode dizer:

“Leia nas epístolas o que eu fiz!”.

Quando o Senhor te perguntar o que aconteceu na sua vida, o que você dirá?
Alguns estão incomodados interiormente, mas não conseguem se decidir.

Ef 4:1

Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados,   

Somos chamados e devemos andar de modo digno desse chamamento. Você é um chamado?

2 Ts 1:11

Pelo que também rogamos sempre por vós, para que o nosso Deus vos faça dignos da sua vocação, e cumpra com poder todo desejo de bondade e toda obra de fé.   
 Nosso Deus pode tornar-nos dignos de nossa vocação e chamamento

2 Tm 1:6-9

Por esta razão te lembro que despertes o dom de Deus, que há em ti pela imposição das minhas mãos.   
7 Porque Deus não nos deu o espírito de covardia, mas de poder, de amor e de moderação.   
8 Portanto não te envergonhes do testemunho de nosso Senhor, nem de mim, que sou prisioneiro seu; antes participa comigo dos sofrimentos do evangelho segundo o poder de Deus,   
9 que nos salvou, e chamou com uma santa vocação, não segundo as nossas obras, mas segundo o seu próprio propósito e a graça que nos foi dada em Cristo Jesus antes dos tempos eternos,   

Reavives o dom de Deus que há em ti, pois Deus não vos tem dado espírito de covardia, mas de poder, amor e moderação. Participa dos sofrimentos de Deus no evangelho, conforme Sua própria determinação e graça.
Há um chamamento aqui! Se você recebeu tal espírito, não tenha vergonha! Participe! Esse é o chamamento. Quando você percebe a importância desse chamamento, tudo perde a importância.

2 Pe 1:10-11

Portanto, irmãos, procurai mais diligentemente fazer firme a vossa vocação e eleição; porque, fazendo isto, nunca jamais tropeçareis.   
11 Porque assim vos será amplamente concedida a entrada no reino eterno do nosso Senhor e Salvador Jesus Crito.

Confirme com diligência esse chamamento, para que seja amplamente suprida a sua entrada no reino dos céus. Se você está procurando um emprego e ganha um empregão, você não diz:

‘”Ah, tá...”.

Só se você não tiver interesse, pois se você tiver, você dirá:

“Uuuuhhh-  hhuuuuu!!!! EU QUERROOOOO!”.

E passará a ser preparar nesse exato momento. Pela reação vemos se você entendeu o seu chamado ou não.
Quando o Senhor olhava para as multidões, Ele se compadecia delas. É assim que você sente?  Se você se enche do Espírito, você não fica indiferente à situação das multidões. Há uma multidão, mas são poucos trabalhadores. O que você tem com isso? Tudo! Deus está falando para você! Dizendo que os trabalhadores são poucos. Você vai orar para arrumar trabalhadores para o Senhor e você mesmo vai continuar na sua vida, pescando peixe? Você deve se apresentar, pois se Ele falou para você, você deve cooperar, ser um com Ele!
Em Mateus 10: 40 e 41  diz:

Quem vos recebe, a mim me recebe; e quem me recebe a mim, recebe aquele que me enviou.   
Quem recebe um profeta na qualidade de profeta, receberá a recompensa de profeta; e quem recebe um justo na qualidade de justo, receberá a recompensa de justo.   

O Senhor acaba enviando os discípulos. Ser enviado não é algo pequeno. É ser um com Deus. Ele quer fazer algo, tem um plano e põe você nesse plano. Não é uma glória?
Se o Senhor aparecer e disser:

“Aqui em Sumaré, na rua Rebouças, número 50, há uma pessoa que precisa do  evangelho. Vá lá.”.

O que você responderá?

“Amém! Envia-me a mim!”.

1 Co 5:6-8

Não é boa a vossa jactância. Não sabeis que um pouco de fermento leveda a massa toda?   
7 Expurgai o fermento velho, para que sejais massa nova, assim como sois sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, já foi sacrificado.   
8 Pelo que celebremos a festa, não com o fermento velho, nem com o fermento da malícia e da corrupção, mas com os ázimos da sinceridade e da verdade.   

Um pouco de fermento leveda toda a massa. Se não tratarmos com isso, toda a revelação de Deus estará comprometida. A temperatura boa para o fermento é a morna. Se sua situação é de mornidão, é tudo o que o fermento quer.
É agora que devemos decidir. Dê o passo e o Senhor se responsabilizará. O ambiente exterior é também importante. Por isso, é bom o ambiente saudável. O Senhor teve que levar seus discípulos para Cesaréia. Se você fica sempre com irmãos que só comentam coisas negativas, então, receberá coisas negativas e será contaminado.
Há dois tipos de pessoas:
As que praticam e as que não praticam a palavra do Senhor. Se você não praticar, desabará tudo e será grande a sua ruína. Se você praticar, tudo ficará firme na rocha.
Talvez você se ache tão falho que não consiga mais cooperar com o Senhor.
Em João20 havia um assunto pendente. Eles já haviam comido, estavam satisfeitos e o Senhor perguntou para Pedro:
“Você me ama?”. (mais do que suas coisas?).
“Você me ama?”. (mais do que aos seus amigos?).
“Você me ama?” (mais do que esses outros me amam?).
Pedro diz com tristeza, pois já estava tratado na sua alma, uma vez que havia negado ao Senhor três vezes. Ele sabia quem ele era e a sua condição. Então disse:
“Senhor, tu sabes que eu te amo, mas não de maneira incondicional e sim, condicional.”.
Pedro foi sincero em sua resposta. Não era aquele amor, mas ele o amava.
O Senhor precisou perguntar-lhe três vezes, para limpar a pendência de Pedro para com Ele. Seja sincero com Deus e sua pendência será solucionada. E ainda, Ele irá te dar uma condição:
“Apascente minhas ovelhas, cuide dos outros, cuide de todos os meus filhos!”.
Deus nos deu instrumentos para isso: tendas, bookafés, livros...
Mateus 9 mostra que faltavam os trabalhadores.  Em Mateus 10 Ele manda os doze discípulos com instruções. Deus nos manda com instruções!
Vá, viva para o Senhor e morra para Ele. O Senhor disse para Pedro que ele iria envelhecer e que outros o cingiriam e o levariam contra a sua vontade. Isso é a morte da nossa alma, das nossas vontades naturais, o tomar a cruz e seguir ao Senhor.
 Rm 11:33-36

Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os seus caminhos!   
34 Pois, quem jamais conheceu a mente do Senhor? ou quem se fez seu conselheiro?   
35 Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado?   
36 Porque dele, e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém!

Porque Dele, por meio Dele , para Ele, são todas as coisas, inclusive eu!
Ap 14:4b

Estes são os que não se contaminaram com mulheres; porque são virgens. Estes são os que seguem o Cordeiro para onde quer que vá. Estes foram comprados dentre os homens para serem as primícias para Deus e para o Cordeiro.

Somos os seguidores do cordeiro, por onde quer que ele vá. Quando seguimos, começamos a praticar, viver e a ser aperfeiçoados. E Deus atinge Seu propósito, por nosso intermédio. Somos chamados para seguir ao Senhor!

Nossa conclusão: Deus quer confirmar o seu chamamento. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário